100%

Sessão da Câmara Municipal de Urussanga – 2 de outubro de 2018 - Notas do Plenário:   

 
Gilson Casagrande (PP) informou que a obra de pavimentação de uma Rua no Bairro São Pedro continua parada, causando transtorno à população, e explicou que a empresa responsável foi notificada pela Prefeitura a cumprir os prazos para conclusão ou será  descredenciada. Gilson pediu ainda que o eleitor cobre de seus candidatos à criação de Leis na área de licitação para que seja mais fácil trocar uma empresa que não cumpre o contrato de entrega da obra. O Vereador informou que foram executados trabalhos de contenção de encostas no Bairro Rio Caeté, mostrou imagens dos avanços nas obras de pavimentação de 1,3 quilômetros na Palmeira do Meio. Gilson lamentou que máquinas e caminhões da Secretaria de Obras estão quebrados e registrou que providências estão sendo tomadas para colocá-los a serviço do Município.

José Carlos José (PP) solicitou que todas as bancadas representadas no Legislativo e os demais partidos, procurem seus Deputados e peçam a aprovação do Projeto de Lei 9563/2018 em tramitação no Congresso Nacional. O Vereador explicou que a Lei permite a compra, por concessionárias particulares, de energia ao mesmo preço das cooperativas e isso diminuirá o custo em Urussanga, facilitando a instalação de novas empresas.  José Carlos ressaltou a importância do programa de Equoterapia apoiado pela Prefeitura através da Secretaria de Saúde. Segundo o Vereador, o procedimento terapêutico, por meio do uso de cavalos, permite a estimulação do desenvolvimento da mente e do corpo, servindo para complementar o tratamento de pacientes com necessidades especiais. As necessidades atendidas são em relação à síndrome de down e do pânico, paralisia cerebral, esclerose múltipla, imperatividade, autismo e várias outros problemas de saúde. O Vereador apresentou ainda Indicação solicitando ao Poder Executivo, a construção de um banheiro público no em torno da Praça Anita Garibaldi.

Odivaldo Bonetti (PP) desafiou os Vereadores a cobrarem dos seus Deputados R$ 100.000,00 em emendas impositivas do Governo do Estado para que seja reconstruída a sede do Minerasil Futebol Clube e assim garantir a preservação da história do Clube. O Vereador se comprometeu a conseguir cem mil reais para o clube junto ao Deputado Estadual apoiado por ele nestas eleições. Odivaldo informou ainda, que foi dado um grande passo para a liberação de recursos para o conserto do telhado e a cancha de bocha do Minerasil com a legalização do terreno do clube aprovada por unanimidade pelos Vereadores. Segundo o Vereador, o clube de Santana tem uma história bonita que merece ser preservada e contada as próximas gerações e a desafetação da escritura do terreno credencia o Minerasil a receber investimentos públicos através de emendas parlamentares. Odivaldo propôs também a construção de um memorial em homenagem a todos que fizeram parte da história do clube representando o Município de Urussanga em diversas competições.

Jair Nandi (PSD) ressaltou a importância do Minerasil Futebol Clube para a história do esporte em Urussanga. O Vereador sugeriu ao Poder Executivo que destine os valores provenientes da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) provenientes do Governo federal para investimentos nas localidades atingidas pela mineração. De acordo com o Vereador o próprio Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) orienta os Municípios a investirem estes recursos na localidade onde é feita a exploração de minérios. Jair Nandi informou que o retorno financeiro para Urussanga é na ordem de R$ 25.000,00 ao mês e sugeriu aos moradores que solicitem estes recursos para investimentos na comunidade. Para o Vereador se os valores de compensação ambiental gerados pela exploração do Carvão tivessem sido investidos desde o início da mineração no Bairro Santana a comunidade estaria com os projetos de infraestrutura todos prontos.

Braz Cizeski (PDT) elogiou o Prefeito Gustavo Cancellier e a Secretária Izolete Vieira Gastaldon por disponibilizarem o programa de Equoterapia para tratamento de pacientes com necessidades especiais. O Vereador destacou que trabalha no desenvolvimento de novos programas para atendimento de pessoas com estas necessidades e registrou que para se construir políticas públicas nesse seguimento há demanda de estudos e mobilização dos interessados. O Vereador reconheceu a disposição e a vontade do Prefeito em resolver as demandas da sociedade. Para Braz Cizeski as questões importantes estão começando a ser resolvidas pela administração. O Vereador reiterou que o agente político tem a missão e o dever perante as pessoas de trabalhar pela construção de uma sociedade mais justa e correta plantando o bem e sendo um exemplo.

Elson Roberto Ramos (MDB) destacou que a união suprapartidária é importante para que as necessidades das comunidades sejam atendidas. O Vereador disse que não pode se comprometer com recursos, mas afirmou que não vai faltar empenho junto ao seu Deputado para conseguir recursos para o Minerasil Futebol Clube de Santana.  O Vereador registrou ainda que concorda com o investimento dos valores da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) em obras de infraestrutura no Bairro Santana. De acordo com Elson, de janeiro a outubro deste ano o CFEM arrecadou R$ 231.000,00 que poderiam ser investidos na localidade. O Vereador solicitou auxílio financeiro da prefeitura para a contratação de um Maestro para o Coral Santa Cecília conforme Indicação apresentada por ele no início do mês de setembro. Elson classificou como ato político o movimento ocorrido durante o início da reforma da Praça Anita Garibaldi e que impediu a construção de um banheiro público no local.

Vanderlei Marcírio (MDB) criticou o cancelamento do primeiro Projeto de revitalização da Praça Anita Garibaldi e que contemplava o local com banheiro público e um palco para apresentações artísticas. De acordo com o Vereador, meia dúzia de pessoas, contrárias ao projeto, conseguiram polemizar a execução dos banheiros e do restante do projeto. Para Vanderlei Marcírio, do atual e inacabado projeto de reforma, a única coisa útil são as passagens adequadas para deficientes físicos, uma Lei de sua autoria que já deveria ter sido colocada em prática, há muitos anos, em toda a cidade. O Vereador registrou que os únicos beneficiados com as reformas são os comerciantes do em torno da praça que passaram a contar com calçadas mais largas para colocação de mesas.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 03/10/2018 - 09:27:02 por: Wilson Adriani Joaquim - Alterado em: 03/10/2018 - 09:27:02 por: Wilson Adriani Joaquim

Notícias

SESSÃO SOLENE - CONVITE
SESSÃO SOLENE - CONVITE

A Câmara Municipal de Urussanga convida para Sessão Solene em homenagem à instituição Paraíso da Criança – Casa Lar, em razão do aniversário de 70 anos de sua fundação no Município de Urussanga.
 
Data: 16 de outubro de 2018
Horário: 19h (dezenove horas)
Local: Câmara Municipal de Urussanga (Travessa da Imigração, 63, Centro)

ATO Nº 44, DE 8 DE OUTUBRO DE 2018.   
ATO Nº 44, DE 8 DE OUTUBRO DE 2018.   

TRANSFORMA EM SOLENE A TRIGÉSIMA QUINTA REUNIÃO ORDINÁRIA, REALIZADA NO DIA 16 DE OUTUBRO DE 2018, PARA HOMENAGEM À INSTITUIÇÃO PARAÍSO DA CRIANÇA/CASA-LAR DE URUSSANGA, EM RAZÃO DO ANIVERSÁRIO DE 70 ANOS DA SUA FUNDAÇÃO NO MUNICÍPIO.