100%

1ª Conferência de Políticas Públicas dos Direitos dos Animais recebe grande público em Urussanga

A 1ª Conferência de Políticas Públicas dos Direitos dos Animais aconteceu na manhã desta sexta-feira (11), na Sociedade Recreativa Urussanga, e contou com a participação de representantes de ONGs, membros do Ministério Público, lideranças políticas da Região Sul e simpatizantes da causa do bem estar animal.

O evento foi uma promoção da ONG Raça de Urussanga, em co-participação aos Vereadores Braz Ciseski e Vanderlei Marcírio.

Braz Ciseski, um dos fundadores da ONG Raça de Urussanga e idealizador da Conferência, afirmou que o evento permitiu a troca de experiências e a união das entidades do Sul do Estado em prol de políticas públicas de defesa e bem estar animal.

“A Conferência visou a unir ONGs, defensores e protetores dos animais com o objetivo de gerar força política e tirar o ônus da sociedade, que vem arcando com os custos dos resgates e dos tratamentos dos animais abandonados”, ressaltou Ciseski.

O Vereador Vanderlei Marcírio, que também fez parte da organização da Conferência, destacou que o evento permitiu a discussão de políticas públicas em uma visão macrorregional.

“A partir deste encontro pode surgir um grande projeto que contemple toda a região, sendo que, infelizmente, o Poder Público em alguns Municípios faz muito pouco pela causa animal”, afirmou. Na opinião do Vereador, no caso de animal abandonado ou maltratado, o primeiro passo seria punir o dono.

O evento também abriu espaço para apresentação de políticas públicas de defesa e bem estar animal, aplicadas com sucesso em alguns Município do Sul do Estado.

A Promotora de Justiça de Urussanga, Excelentíssima Senhora Diana Costa Chierighini, explicou que ações simples e de baixo custo, como campanhas em escolas, produzem resultados satisfatórios na diminuição dos casos de abandono e maus tratos de animais; mas caso elas ocorram, o Ministério público deve ser acionado.

“É preciso pensar coletivamente o tema e o Ministério público é defensor da causa, e qualquer violação dos direitos dos animais, deve ser comunicado ao órgão, para que providências legais sejam tomadas”, destacou a Promotora.

O Excelentíssimo Senhor Deputado Estadual Valmir Comin ressaltou a importância da criação de mecanismos capazes de identificar e punir os responsáveis pelo abandono e tortura de animais.

Comin foi autor da Lei nº 17.404, de 21 de dezembro de 2017, que determina a criação da Delegacia Eletrônica de Proteção Animal, exclusiva para atendimento de ocorrências envolvendo maus tratos e abandono de animais, inclusive com a possibilidade de serem postadas via internet vídeos e fotos dos crimes para facilitar as investigações.

“A Delegacia Eletrônica de Proteção Animal será uma importante ferramenta de combate a esses crimes e estamos pressionando para que a Lei seja regulamentada e entre em vigor o mais rápido possível”, afirmou o Deputado.

O Excelentíssimo Senhor Prefeito de Içara Murialdo Gastaldon destacou os grandes avanços atingidos em seu Município, a partir da instalação do Centro de Castração Francisco de Assis. O Centro foi inaugurado em 2016 ao custo total de R$ 135.000,00 e já realizou cerca de três mil castrações, além de atendimentos de emergências e resgates de animais feridos.

“O projeto é pioneiro no Sul do Estado e o investimento acaba refletindo também na saúde pública, através da diminuição da incidência de zoonoses e ferimentos causados por acidentes e mordeduras”, explicou Murialdo.

Gilson Martins, responsável pela Associação de Protetores dos Animais de São Ludgero (APAS), trouxe um pouco da experiência da entidade com a castração e a chipagem de cães e gatos no Município.

“Com a colocação do chip em cerca de 1.500 animais, conseguimos reduzir o número de abandonos e maus tratos, pois caso isso ocorra, o dono é identificado e notificado pela vigilância sanitária”, destacou Gilson.

A etapa final da Conferência foi destinada à formação de grupos de debates, com a finalidade de definir propostas para políticas públicas voltadas ao bem estar animal no Sul do Estado.

Também participaram da Conferência o Excelentíssimo Senhor Prefeito de Urussanga Gustavo Cancellier, o Excelentíssimo Senhor Deputado Estadual Manoel Mota, o Excelentíssimo Senhor Presidente da Câmara de Urussanga Odivaldo Bonetti e o Senhor Vice-Prefeito de São Ludgero Ibaneis Lembeck.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 11/05/2018 - 16:21:19 por: Wilson Adriani Joaquim - Alterado em: 11/05/2018 - 18:20:02 por: Larissa Xavier Teixeira

Notícias

ATO Nº 43, DE 24 DE SETEMBRO DE 2018.   
ATO Nº 43, DE 24 DE SETEMBRO DE 2018.   

DESIGNA FUNÇÃO GRATIFICADA DE RESPONSABILIDADE QUANTO CONTROLE INTERNO DA CÂMARA MUNICIPAL DE URUSSANGA À SERVIDORA CRISTIANE BARICHELO CARARA, AGENTE DE PORTARIA E COMUNICAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

ATO Nº 42, DE 24 DE SETEMBRO DE 2018.
ATO Nº 42, DE 24 DE SETEMBRO DE 2018.

INSTITUI E CONSTITUI COMISSÃO ESPECIAL PARA ORGANIZAR SESSÃO SOLENE EM HOMENAGEM À INSTITUIÇÃO PARAÍSO DA CRIANÇA/CASA-LAR DE URUSSANGA, A REALIZAR-SE NO DIA 16 DE OUTUBRO DE 2018.

ATO Nº 39, DE 24 DE SETEMBRO DE 2018.
ATO Nº 39, DE 24 DE SETEMBRO DE 2018.

HOMOLOGA A EFETIVAÇÃO DA SERVIDORA MARICELMA APARECIDA RIBEIRO SACHET, AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS DA CÂMARA MUNICIPAL DE URUSSANGA, APÓS CUMPRIMENTO DE ESTÁGIO PROBATÓRIO.

AUDIÊNCIA PÚBLICA QUADRIMESTRAL - CONVITE
AUDIÊNCIA PÚBLICA QUADRIMESTRAL - CONVITE

O Presidente da Câmara Municipal de Urussanga, Vereador Odivaldo Bonetti, o Presidente da Comissão Permanente de Finanças, Tributação e Orçamento, Vereador Elson Roberto Ramos, e o Controlador Interno da Prefeitura Municipal de Urussanga, Senhor César Roberto Michels, convidam para participar de Audiência Pública que tem como objetivo demonstrar e avaliar o cumprimento das Metas Fiscais referentes ao 2º Quadrimestre do ano de 2018, do Município de Urussanga, conforme determina o art. 9º, §4º, da Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal).
 
Data: 26 de setembro de 2018 (Quarta-feira)
Horário: 15h
Local: Câmara Municipal de Urussanga
(Travessa da Imigração, nº 63, Centro, 88.840-000, Urussanga – SC)